google-site-verification: googlefec0aa61c13dd7cc.html A Purificação do Leproso
Posted by : FrTutorial no Brasil sexta-feira, 28 de julho de 2017

purificação" (Lv 14.2).

O termo "lepra" na Bíblia designa diversas moléstias da pele, sendo
também um símbolo do pecado. Portanto a purificação do leproso
naquela época prefigurava o plano de Deus para o futuro, quando ele
purificaria toda a humanidade do pecado.
Em primeiro lugar, o leproso a ser purificado era "levado ao
sacerdote" (Lv 14.2).
A seguir, o sacerdote deveria sair do arraial e tomar "para aquele
que se houver de purificar duas aves vivas e limpas, e pau de cedro, e
estofo carmesim e hissopo" (Lv 14.4).
Todos esses elementos lembram aspectos da obra realizada por
Cristo para a remissão de nossos pecados. O fato de o sacerdote sair do
arraial lembra que a crucificação de Jesus se deu fora dos muros de
Jerusalém. As duas aves representam a morte e a ressurreição do Senhor;
o pau de cedro, a cruz e o estofo carmesim, seu sofrimento. Por último, o
hissopo simboliza a fé. Davi afirmou:
"Purifica-me com hissopo, e ficarei limpo; lava-me, e ficarei
mais alvo que a neve." (Sl 51.7.)
Acredita-se que o hissopo utilizado na cerimônia de purificação era
uma planta aromática da família da manjerona.2 Creio que se trata de
uma figura da fé porque era usada na aplicação do sangue (Êx 12.22).
O passo seguinte era extraordinário, se relacionado à obra que
Cristo realizaria no Calvário.
"Mandará também o sacerdote que se imole uma ave num
vaso de barro, sobre águas correntes. Tomará a ave viva, e o pau
de cedro, e o estofo carmesim, e o hissopo, e os molhará no
sangue da ave que foi imolada sobre as águas correntes." (Lv
14.5,6.)
Ao imolarem a primeira ave, recolhiam o sangue numa vasilha de
barro contendo água. (Ver Levítico 14.5,6.) Isso simboliza o fato de que
Cristo derramou seu sangue num vaso de barro —seu corpo humano.
Em seguida, o sacerdote pegava a ave viva juntamente com o pau
de cedro (a cruz de Cristo), o estofo carmesim (seu sofrimento), e o
hissopo (a fé), e os molhava no sangue da ave que fora imolada.
O sangue da ave achava-se misturado à água do vaso de barro
Representando a purificação efetuada pela Palavra (Ef 5.26).
E o processo se encerrava com a seguinte ordenança:
"E sobre aquele que há de purificar-se da lepra espargirá sete
vezes; então o declarará limpo, e soltará a ave viva para o
campo aberto." (Lv 14.7.)
Isso simboliza a purificação de nossos pecados efetuada por meio
do sangue de Jesus. O ato de soltar a ave viva para o campo era uma
figura da ressurreição do Senhor.
A cerimônia da purificação do leproso é apenas um exemplo de
como a velha aliança prefigura a nova. Paulo disse aos colossenses que
ninguém poderia julgá-los segundo as tradições da velha aliança por
causa de comida, bebida e festas (Cl 2.16), pois a lei era "sombra das
cousas que haviam de vir; porém o corpo é de Cristo" (Cl 2.17). Em
Hebreus, lemos também que a lei tinha a "sombra dos bens vindouros",
mas não "a imagem real das cousas" (Hb 10.1).
Após esse processo, então, o leproso tinha permissão de retornar ao
arraial (Lv 14.8). Do mesmo modo, nós, depois que somos purificados
com o sangue de Cristo, achamo-nos preparados para entrar no reino de
Deus.
Acredito que o fato de os sacerdotes aspergirem o leproso com o
sangue sete vezes tinha um sentido profético. Sabemos que Cristo
derramou seu sangue de sete formas, durante as horas que compreenderam
sua paixão e morte.
1. Pelo suor. "E, estando em agonia, orava mais intensamente. E
aconteceu que o seu suor se tornou como gotas de sangue caindo
sobre a terra." (Lc 22.44.)
2. No rosto. "Ofereci... as faces aos que me arrancavam os cabelos."
(Is 50.6.)
3. Na cabeça. "Tecendo uma coroa de espinhos, puseram-lha na
cabeça, e na mão direita um caniço; e, ajoelhando-se diante dele,
o escarneciam, dizendo: Salve, rei dos judeus! E, cuspindo nele,
tomaram o caniço, e davam-lhe com ele na cabeça." (Mt
27.29,30.)
4. Nas costas. "Então Pilatos lhes soltou Barrabás; e, após haver
açoitado a Jesus, entregou-o para ser crucificado." (Mt 27.26.)
5. Nas mãos. "Cães me cercam; uma súcia de malfeitores me rodeia;
traspassaram-me as mãos." (Sl 22.16.)
6. Nos pés. "Traspassaram-me... os pés." (Sl 22.16.)
7. No lado. "Mas um dos soldados lhe abriu o lado com uma lança, e
logo saiu sangue e água." (Jo 19.34.)
A Purificação Continua
O que acontecia depois que o sacerdote aspergia o sangue no
leproso sete vezes? Ele se achava em condições de entrar no arraial, da
mesma forma que nós, assim que nos purificamos com o sangue de Jesus
Cristo nos tornamos filhos do Deus vivo e membros de sua família.
E é por causa do sangue derramado por Jesus que Deus pode abrirmos
as comportas da unção que nos vem do Espírito. Foi o que aprendi
Depois que recebi a visitação.

DEIXE SEU COMENTÁRIO !!!

Atenção:

Faça seu comentário dentro do assunto tratado acima;
Não divulgue endereço(s) de Sites ou Blogs;
Comentário que conterem divulgação serão moderados, somente serão aceitos links caso necessite de informar alguma fonte;
Proibido Spans;
Não faça Comentários Ofensivos, Ameaças, ou Termos preconceituosos.

OPINE, DÊ SUA SUGESTÃO, CONTATO, DÚVIDAS ETC. OBRIGADO DESDE JÁ !!!

Inscrever-se para Posts | Subscrever Comentários

Welcome to My Blog

::::: Radio Nova Adoração ::::




Nossa Pagina no Facebook

Seus estudo Aqui !!!

Seus estudo Aqui !!!
Mande Por Email Pessoal !!

AJUDE NOS AQUI POR FAVOR !

{ RECADINHO RÁPIDO }




Arquivo do Sites

- s; ESTUDO POSTAGEM PROFÉTICA -Missionario Francisco-Missionaria Fatima Blogger - Designed Fra e Fati Somos Uma Familia Missionaria -