Posted by : FrTutorial no Brasil quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Dízimos O que é dizimo? O conceito é simples: decima parte ou 10 %
 Consiste em devolvermos ao Senhor a decima parte (ou seja 10 %) de tudo que ele nos dá. Por que Deus quer 10 por cento? 1) Porque Ele é misericordioso e bom. • De quem é todo ouro, toda prata e todo dinheiro? (do Senhor) • De que é o mundo e tudo que nele há? (do Senhor)
 Nós plantamos, colhemos, trabalhamos, recebemos, vivemos e respiramos no mundo que é do Senhor. E ele só pede em troca 10 % do que recebemos. Ex.: arrendamento de terras (1/3 ou 1/2 para o dono da terra)

2) Quer produzir em nós fé e obediência Deus não precisa de dinheiro. Ele não precisa do nosso dinheiro.
Mas quer que sejamos fiéis e obedientes, desprendidos do dinheiro e atentos as necessidades uns dos outros. Para isso precisamos ter fé que Ele cuida de nós, depender Dele para nosso sustento. Precisamos saber que nosso sustento vem do Senhor e não do salário.
O que diz a bíblia? Dt 14:22 "Certamente darás os dízimos de todo o produto da tua semente que cada ano se recolher do campo." Lv 27:30 "Também todos os dízimos da terra, quer dos cereais, quer do fruto das árvores, pertencem ao senhor; santos são ao Senhor."

 O dízimo pertence ao Senhor , é propriedade dele. Não nossa. (Este é um conceito fundamental.) O
dízimo não é parte da nossa renda que damos ao Senhor. São os 10% pertencentes a Deus dentre tudo que Ele nos dá. ( É Dele ).

 Nós não damos o dízimo, nos devolvemos o dízimo ao Senhor. (é propriedade dele) Por isso não devemos retirar do que sobra e sim das primícias da nossa renda. Pv 3:9 Muitas pessoas que não devolvem o dízimo e retém para si, ou usam o dinheiro do dizimo para outras coisas, estão usando dinheiro do Senhor e não seu. (Estão sendo infiéis e desobedientes) Ex.: Este conceito estava presente estava presente desde a criação o mundo, no jardim do Éden (Adão , Eva e a Árvore). Desobedecendo este principio eles trouxeram problemas para si e para toda humanidade.

 Dar o dízimo é uma questão de fidelidade e obediência ao Senhor.Quando não somos fiéis no dízimo e usamos o dinheiro que é do Senhor para outras coisas, estamos roubando a Deus. Ml 3:8-9 "Roubará o homem a Deus? Todavia vós me roubais, e dizeis: Em que te roubamos? Nos dízimos e nas ofertas alçadas. Vós sois amaldiçoados com a maldição; porque a mim me roubais, sim, vós, esta nação toda." Quando não damos o dízimo trazemos maldição para nós mesmos.

Às vezes a pessoa não dá o dízimo e acaba gastando mais com farmácia. Não dá porque nunca sobra. (mas não é para dar a sobra) Não dá porque está sempre em dificuldade financeira. (mas se continuar a roubar a Deus vai continuar assim) Não estou dizendo que toda dificuldade financeira é proveniente da retenção do dízimo, ou que o dízimo é uma fórmula mágica para reverter qualquer crise financeira. Mas existe um princípio de fé e obediência por traz do dízimo que se seguirmos seremos abençoados. Ml 3:10-11 "Trazei todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja mantimento na minha casa, e depois fazei prova de mim, diz o Senhor dos exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu, e não derramar sobre vós tal bênção, que dela vos advenha a maior abastança. Também por amor de vós reprovarei o devorador, e ele não destruirá os frutos da vossa terra; nem a vossa vide no campo lançará o seu fruto antes do tempo, diz o Senhor dos exércitos." Sempre que obedecemos um princípio de Deus nós somos abençoados; e nesse caso não é diferente. O Senhor diz que: • Abrirá as janelas do céu. • Repreenderá o devorador • Fará nossa terra dar frutos.

 Isto é conseqüência de fé e obediência. Este texto também nos mostra para quem devemos entregar os dízimos O texto diz "minha casa" Qual é a casa de Deus?

 A Igreja.

 Casa do tesouro (Cristo é o tesouro)

 Nós devolvemos os dízimos à Igreja, ou mais especificamente, aos homens que Deus colocou para governar a Igreja. Não vamos entrar aqui na questão de como os dízimos são aplicados. Mas vemos no V.T. que ele tinha uma finalidade específica: Era para sustento dos LEVITAS: Povo que cuidava da casa de Deus. Dt 26:12 Nm 18:21
Quando o povo de Israel chegou à terra prometida, foi feita uma divisão da terra entre as tribos de Israel. Os levitas não receberam nenhuma parte. Deus os separou para si. Eles só trabalhariam para o Senhor e o próprio Senhor cuidaria deles.

 Por isso Deus reverteu os dízimos para eles. O povo de Israel é uma figura da Igreja; e os levitas representam as pessoas que servem na casa de Deus, ou seja, os presbíteros e diáconos que governam e administram a igreja. Vemos então que o dinheiro do dízimo não é para construção de templos, aquisição de bens para a igreja, reformas, campanhas, etc. Este dinheiro deve vir de outra fonte.

 O dízimo é para sustento dos obreiros. (pessoas que se dedicam exclusivamente a obra de Deus)Algumas pessoas dizem:

" Esta coisa de dízimo vem da lei, e como estou livre da lei não preciso dar "

Este é um grande engano, pois a lei estabelece o dízimo e o coloca como uma ordenança (embora ninguém deva dar o dízimo por obrigação) , mas o dízimo existe muito antes da lei.

O conceito de dízimo não vem da lei.

·         Vimos que o princípio do dízimo já estava no Éden (fidelidade)
·         Vemos também que 700 anos antes da lei, Abraão deu o dízimo de todos os seus bens a Melquezedeque, sacerdote do Deus Altíssimo. (figura de Jesus)

Gn 14:18-20
·         Melquezedeque era rei, não precisava ser sustentado por Abraão.
·         Abraão deu o dízimo num sinal de reconhecimento da soberania e autoridade de Melquezedeque. (reverência)
·         Nem era uma exigência de Deus. Ele deu espontaneamente.

·         Mais tarde seu neto Jacó seguiu seu exemplo e deu o dízimo quando teve a revelação da casa de Deus.  Gn 28:22

Ø A lei regulamenta o dízimo, mas o princípio do dízimo é muito mais profundo, e não depende da lei.

A graça sempre excede a lei, vai além. A velha aliança era baseada na lei de Moisés, mas a nova aliança é baseada na graça.

Velha Aliança
Nova Aliança
Deus precisou fazer uma marca na carne para mostrar a aliança (circuncisão) Gn17:10-11
Deus faz uma marca no coração, no nosso espírito
Fp 3:3  Ef 2:11-15
Deus deu a lei escrita em tábuas de pedra
Ex 31:18
Deus Grava sua lei em nossos corações
Hb 10:16
Deus estabelece um percentual da renda de todo homem para lhe ser devolvido, a fim de lembrar-lhe que tudo o que possui provém do Senhor. Gn 28:22  Dt 14:23
Deus não estabelece um percentual, mas nos deixa livres para dar tudo. Uma vez que renunciamos a tudo por Jesus, nada mais é nosso , é tudo dele. Lc 14:33
Fala de uma nação terrena (Israel) com promessas terrenas e esperanças terrenas.
At 1:6
Fala de uma nação espiritual (Igreja), celestial, com promessas e esperanças eternas. Fp 3:20-21  I Jo 3:1-2

A Nova Aliança é muito superior a Velha, ela vai sempre além.

No sermão do monte cristo faz uma comparação entre os mandamentos de Moisés (lei) e os seus mandamentos (graça).

Lei

Graça
Proibia-se o homicídio
Mt 5:21-23
Proíbe-se até a ira.
Proibia-se o adultério
Mt 5:27-28
Proíbe-se ate o olhar impuro
Exigia-se o amor ao próximo, mas permitia o ódio ao inimigo.
Mt 5:43-44
Exige-se o amor ao próximo, aos irmãos, aos inimigos e também orar pelos que vos perseguem.
Exigia-se o dízimo
Mt3:8 Lc 14:25-33
Exige-se a vida e tudo Quanto possui.

Deste modo vemos que pela graça Deus não exige 10%. Ele exige tudo.

Ø O mínimo que podemos dar é o dízimo, conforme diz a lei (e estaremos seguindo a lei). Mas pela graça estamos livres para dar mais.

Mt 5:20
"Pois eu vos digo que, se a vossa justiça não exceder a dos escribas e fariseus, de modo nenhum entrareis no reino dos céus."

O significado mais profundo do dízimo é:
à  "Deus não é Senhor apenas de 10% de minhas finanças,  Ele é Senhor de tudo (100%)."

As bênçãos que seguem o dízimo

O que queremos mostrar aqui não é que se você der o dízimo deus vai enriquecê-lo, ou que todos os seus problemas financeiros serão solucionados. Não é com esse objetivo que devemos dar o dízimo.

O que queremos mostrar é que este é um princípio de Deus e pelo fato de obedecermos a um princípio de Deus somos abençoados.

Pv 3:9
"Honra ao Senhor com os teus bens, e com as primícias de toda a tua renda."

Rm 11:16
"Se as primícias são santas, também a massa o é; e se a raiz é santa, também os ramos o são."

Devolvendo o dízimo estamos honrando a Deus e em conseqüência disto santificando toda a nossa renda.

Ø Damos uma parte a Deus e Ele faz prosperar o restante.

Ml 3:10-11

"Trazei todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja mantimento na minha casa, e depois fazei prova de mim, diz o Senhor dos exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu, e não derramar sobre vós tal bênção, que dela vos advenha a maior abastança. Também por amor de vós reprovarei o devorador, e ele não destruirá os frutos da vossa terra; nem a vossa vide no campo lançará o seu fruto antes do tempo, diz o Senhor dos exércitos."

Diz que devemos provar (experimentar) o Senhor. Ele abrirá as janelas do céu e derramará as bênçãos sem medidas

·         O contribuinte fiel não passa necessidades.
·         Deus faz o seu pouco prosperar e ser suficiente.

DEIXE SEU COMENTÁRIO !!!

Atenção:

Faça seu comentário dentro do assunto tratado acima;
Não divulgue endereço(s) de Sites ou Blogs;
Comentário que conterem divulgação serão moderados, somente serão aceitos links caso necessite de informar alguma fonte;
Proibido Spans;
Não faça Comentários Ofensivos, Ameaças, ou Termos preconceituosos.

OPINE, DÊ SUA SUGESTÃO, CONTATO, DÚVIDAS ETC. OBRIGADO DESDE JÁ !!!

Inscrever-se para Posts | Subscrever Comentários

Welcome to My Blog
Nossa Pagina no Facebook

Seguidores

internet explorer 11

Seus estudo Aqui !!!

Seus estudo Aqui !!!
Mande Por Email Pessoal !!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

::::: Radio Nova Adoração ::::

AJUDE NOS AQUI POR FAVOR !

{ RECADINHO RÁPIDO }








Arquivo do Sites

NOVO 30/5/2013










- s; ESTUDO POSTAGEM PROFÉTICA -Missionario Francisco-Missionaria Fatima Blogger - Designed Fra e Fati Somos Uma Familia Missionaria -