Posted by : FrTutorial no Brasil segunda-feira, 17 de outubro de 2016

A Bíblia nos exorta a crescer no conhecimento da Palavra de Deus, inclusive nos
 acontecimentos proféticos:
 “E temos, mui firme, a palavra dos profetas, à qual bem fazeis em estar atentos, como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a estrela da alva apareça em vossos corações.” (2 Pe 1:19) “Jesus, porém, respondendo, disse-lhes: Errais, não conhecendo as Escrituras, nem o poder de Deus.” (Mt 22:29)

“Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade.” (2 Tm 2:15) “Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça; para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda a boa obra.” (2 Tm 3:16-17)


“Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé. Desde agora, a coroa da justiça me está O arrebatamento da Igreja acontece antes da Grande Tribulação.“Como guardaste a palavra da minha paciência, também eu te guardarei da hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo, para tentar os que habitam na terra.”                (Ap 3:10). A Igreja não passará pela tribulação, porque:
guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amarem a sua vinda”. (2 Tm 4:7-8) “Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo.” (Ap 1:3) “Eis que presto venho: Bem-aventurado aquele que guarda as palavras da profecia deste livro.”  (Ap 22:7)
1             A Bíblia nunca assim o declarou explicitamente.
2             Ap 1 fala do passado (“as coisas que vistes”); Ap 2 e Ap 3 do presente (“as coisas que são”); Ap 4 até Ap 22 do futuro (“as coisas que hão de ser”). Depois de Ap 3 a Igreja nunca é mencionada. Em Ap 4, os 24 anciãos (símbolos da Igreja) já estão no trono antes de começar a Tribulação; em Ap 19:8, 14, a Igreja VOLTA a terra ao final da Tribulação; logo não estava aqui naquele período!

3             Cristo prometeu à Igreja verdadeira “Eu te guardarei da hora da tentação” Ap 3:10.
4             Ap 15:1; 16:1, 19 dizem que a Grande Tribulação é um período de juízo sobre um mundo ímpio, a Igreja apóstata e Israel rebelde. Usam expressões fortíssimas: “flagelo”, “vinho do furor de Deus”, “7 taças da cólera de Deus”! Mas Jo 5:24,            Rm 5:9, 1 Ts 1:10; 5:9 nos garantem que o salvo “não entra em juízo”, “não foi destinado para a ira”, e “Jesus nos livra da ira vindoura”.
5             A Grande Tribulação, embora afetando o mundo inteiro, é primordialmente para castigar Israel Jr 30:4-9; Dn 12:1; Mt 24:15, 21.
6             Não há nenhum sinal cronológico quanto à vinda de Cristo para arrebatar a Igreja; mas há muitos sinais cronológicos (“1260”, “2520 dias”, “tempo, tempos e metade de tempo”, “42 meses”, etc.) que se aplicam só a Israel.

7             Dn 9:25-27 profetizou 70 semanas para Israel e Jerusalém. Na 69ª semana, Israel rejeitou e crucificou seu Senhor. Por isso a “fita” de Israel foi interrompida e acionada a da Igreja. Completada esta, será reacionada a fita de Israel, para cumprir-se a 70ª semana, a Grande Tribulação, chamada “Tribulação de Jacó” em Dn 12:1; Jr 30:7; Ap 12:7-9. Como a Igreja não esteve presente nas primeiras 69 semanas, não estará na 70ª (última).
8             A trombeta de 1 Co 15:52 (instantânea, relacionada com o Arrebatamento) é diferente
daquela de Ap 10:17; 11:15-19 (prolongada; relacionada com juízo)!
José (tipo de Cristo) casou-se com Azenate (tipo da Igreja) quando estava rejeitado pelos seus irmãos (tipo de Israel) e antes dos 7 anos de fome (Gn 41:45). Enoque foi arrebatado antes do dilúvio (Jd 14-16; Gn 5:24). Noé, antes das águas (Gn 6;    Lc 17:26-27,30). Ló, antes do fogo (Gn 19; Lc 17:28-30). A Igreja, o corpo de Cristo, é uma só com Ele e em Ele. Portanto, se a Igreja passasse pela 70ª semana, o próprio Cristo passaria pelo julgamento e castigo de Deus, o que é impossível (Hb 9:25-27). Se a Igreja passasse pela Tribulação, como todos nesse período terão que se sujeitar ao Diabo (Ap 13:7), então Cristo estaria sujeito ao Diabo ou deixaria de ser o Cabeça da Igreja.  A igreja é o sal da terra e a luz do mundo. Somente quando a Igreja (“o sal”) for retirado é que o mundo entrará em completa e veloz putrefação moral e espiritual, resultando na Grande Tribulação (Mt 5:13-16; 2 Ts 2:6-10).






  

DEIXE SEU COMENTÁRIO !!!

Atenção:

Faça seu comentário dentro do assunto tratado acima;
Não divulgue endereço(s) de Sites ou Blogs;
Comentário que conterem divulgação serão moderados, somente serão aceitos links caso necessite de informar alguma fonte;
Proibido Spans;
Não faça Comentários Ofensivos, Ameaças, ou Termos preconceituosos.

OPINE, DÊ SUA SUGESTÃO, CONTATO, DÚVIDAS ETC. OBRIGADO DESDE JÁ !!!

Inscrever-se para Posts | Subscrever Comentários

Welcome to My Blog
Nossa Pagina no Facebook

Seguidores

internet explorer 11

Seus estudo Aqui !!!

Seus estudo Aqui !!!
Mande Por Email Pessoal !!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

::::: Radio Nova Adoração ::::

AJUDE NOS AQUI POR FAVOR !

{ RECADINHO RÁPIDO }








Arquivo do Sites

NOVO 30/5/2013










- s; ESTUDO POSTAGEM PROFÉTICA -Missionario Francisco-Missionaria Fatima Blogger - Designed Fra e Fati Somos Uma Familia Missionaria -